Notícias | Paraíba
17.09.2013 - 08h45 | Assessoria
Cursos do Pronatec começam em outubro em Caiçara
 
  • Tamanho do texto: A-
  •  
  • A+
Com o objetivo de qualificar o jovem Caiçarense e prepará-lo para o mercado de trabalho, a Prefeitura municipal de Caiçara tem buscado parcerias com o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), a fim de trazer cursos técnicos para o município.
 
Após uma visita técnica realizada no município pelo Professor George Rodrigo, técnico do PRONATEC, a estrutura dos prédios onde os cursos vão ser realizados, foi aprovada e os cursos devem começar no dia 10 de Outubro.
 
De início serão oferecidos os cursos de operador de computador, para 29 alunos; com uma carga horária de 160 horas e o de inglês aplicado e serviços turísticos, para 20 alunos; de 180 horas. A previsão é a de que os cursos comecem em Setembro.
 
O de inglês aplicado e serviços turísticos têm como objetivo qualificar os participantes com noções básicas da língua inglesa, focando as atividades de cada profissional no turismo receptivo e será realizado na Fundação Valdemir Miranda.
 
Já o de Operador de Computador, visa possibilitar ao aluno o primeiro contato com o computador e o ambiente Windows, capacitando-o para a aplicação de diferentes recursos relacionados à estética de documentos, exercícios de cálculos matemáticos em planilhas, criação de apresentações de qualidade, e uma melhor postura e comportamento no ambiente de trabalho e frente ao computador e será realizado na Associação Beneficente Severino Félix da Silva.
 
Uma outra informação é a de que o aluno participante do curso receberá uma ajuda de custo no valor de R$ 15,00 (quinze reais) por aula, participada.
 
A previsão é a de que ainda este ano, outros cursos sejam oferecidos. No CRAS estão abertas as inscrições para fechamento de turmas para mais 68 cursos. Interessados passar no próprio CRAS para inscrição.
 
Quem pode realizar os cursos?
 
Trabalhadores, inclusive agricultores familiares, silvicultores, aquicultores, extrativistas e pescadores;
Povos indígenas;
Comunidades quilombolas;
Adolescentes e jovens em cumprimento de medidas socioeducativas;
Desempregados;
Pessoas com deficiências;
Pessoas que recebem benefícios dos programas federais de transferência de renda ou que estejam cadastradas no CadÚnico;
Praças do Exército e da Aeronáutica com baixa do Serviço Militar ou Atiradores de Tiro de Guerra;
Estudantes matriculados no Ensino Médio das escolas públicas, inclusive na Educação de Jovens e Adultos.
 
O (Pronatec) foi criado pelo Governo Federal, em 2011, com o objetivo de ampliar a oferta de cursos de educação profissional e tecnológica.
 
 
Comentários

   
   
   
©2010- 2014 . Portal Independente. Todos os direitos reservados
Desenvolvimento: Paula Araújo